NOTÍCIAS

População de Cuiabá ganhou 41 novas equipes de saúde bucal na gestão de Emanuel

A Prefeitura de Cuiabá, através da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, vem realizando diversos investimentos, avanços e transformações, pensando em melhorias nos atendimentos odontológicos para a rede pública do município. Desde que assumiu a sua gestão em 2017, o Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, tem investido pesado no número de equipes para atender a Atenção Primária.

No início da gestão, eram apenas 10 equipes atendendo as demandas da Atenção Básica. Desde então, 41 novas equipes de Saúde Bucal foram implantadas e credenciadas. A coordenadora da Saúde Bucal, Roseli Barranco, reforça que as atuais 51 equipes de saúde bucal estão completas, todas contando com um cirurgião dentista e um Técnico em Higiene Bucal. “A política de saúde bucal está delimitada pelo programa “Previne Brasil” e Brasil Sorridente, do Ministério da Saúde. A saúde bucal vai muito além dos limites da boca, ela engloba também ações intersetoriais e educativas, que devem ser observadas por toda a equipe, pois visa ainda o fortalecimento dos indivíduos e da sua comunidade realizando a prevenção e promoção de Saúde em todo aspecto, de um modo que favoreça um controle do processo saúde-doença”, comentou.

Roseli ressaltou o expressivo aumento das equipes de saúde bucal no município, o que proporcionou o atendimento odontológico a um número muito maior de pessoas e em números de procedimentos realizados. “Em um passado recente, a rede contava com apenas 10 equipes vinculadas a saúde da família, hoje essa realidade é totalmente diferente, saltamos para 51 equipes. Sabemos que podemos fazer bem mais e acredito que o Emanuel vai ultrapassar essas 51 e quem sabe até o fim da gestão dele conseguimos ter equipes suficientes para atender todas as UBS. A visão humanizada do prefeito para com os mais vulneráveis, vem garantindo a ampliação dos atendimentos da rede pública do nosso município”, disse a coordenadora.

De janeiro de 2017 até maio de 2022 as equipes das unidades básicas realizaram aproximadamente 14.400 procedimentos odontológicos. “Este número de atendimentos é bem abaixo da capacidade, pois ao longo desse período tivemos a pandemia, o que nos obrigou a suspender todos os procedimentos eletivos, pois o risco de contaminação era alto. Neste período atendemos apenas as urgências e emergências. Com o avanço da vacinação e a consequente queda nos casos, começamos a reabrir aos poucos os atendimentos odontológicos e atualmente todas as equipes estão trabalhando normalmente, e algumas ainda conciliando os atendimentos Odontológicos com a realização dos testes rápidos de Covid, para ajudar as unidades básicas de saúde”, revelou Roseli.