NOTÍCIAS

Projeto “Eu Pratico Esporte Educacional Escolar” abrange nova modalidade e mais escolas da rede municipal – Agência de Notícias

Entre as novidades, estão as aulas de dança, inicialmente na E.M. “Prof. Dr. Hélio Rosa Baldy”.

O projeto “Eu Pratico Esporte Educacional Escolar”, realizado pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), iniciou 2023 com uma série de novidades: mais uma modalidade esportiva atendida, a dança, além de novas turmas e escolas participantes.

Inicialmente, a dança está sendo oferecida aos alunos da E.M. “Prof. Dr. Hélio Rosa Baldy”. A escola, que já oferecia a modalidade futsal, a partir deste ano, tem também essa atrativa opção, com uma nova professora à frente da modalidade.

O secretário da Educação, professor Marcio Carrara, visitou a escola, localizada no bairro Jd. São Guilherme, e aproveitou para realizar a entrega das camisetas do projeto aos alunos participantes. No momento, 24 unidades recebem aulas extras por meio dessa iniciativa, com a participação de 28 professores de Educação Física e beneficiando aproximadamente 1.400 alunos da rede municipal. As aulas acontecem no contraturno escolar e os estudantes ainda são atendidos com mais uma refeição, o que igualmente garante a segurança alimentar e nutricional a essas crianças e adolescentes.

Também há novas turmas e mais professores nas escolas E.M. “Maria de Lourdes Ayres” (incluindo, agora, o tênis de mesa), no Jd. Santa Marina, E.M. “Avelino Leite de Camargo” (o basquete), no Jd. Nova Esperança, E.M. “Dr. Milton Leite de Oliveira” (o xadrez), em Brigadeiro Tobias, E.M. “Prof. Milton Santos” (a dança), no Ipatinga, E.M. “Quinzinho de Barros” (handebol), na Vila Hortência, E.M. “José Osório de Campos Maia e Almeida” (o futsal e o xadrez), no Jd. Bertanha, e E.M. “Duljara Fernandes de Oliveira” (também o futsal e o xadrez), no Jd. Santo Amaro.

“O que temos observado é que essas aulas já são um grande sucesso dentro das nossas escolas, sendo que há um interesse muito grande dos alunos em participar. Ao mesmo tempo, se multiplicam os relatos dos professores e diretores sobre os benefícios que essas atividades têm proporcionado aos estudantes. Bem como muitos pais, que também nos trazem relatos bastante positivos”, comenta o secretário da Educação.

A orientadora da E.M. “Prof. Dr. Hélio Rosa Baldy”, Adriana Álvares, comenta sobre aspectos positivos que já são vistos entre alguns alunos. “Com alguns alunos, estávamos empenhados em fazer a busca ativa para que houvesse um engajamento maior nos estudos. E o esporte, com o projeto ‘Eu Pratico’, na modalidade futsal, foi fundamental para essa mudança. Porque perceberam que podiam conciliar o esporte com a escola e isso trouxe essas crianças para a escola. Foi muito legal. Com o esporte, houve um aumento na frequência e eles estão avançando nos estudos”, ela considera.

Além dos alunos, a professora de Educação Física dessa escola, Maisa Cavalcanti Pereira Rodrigues, também comemora a novidade das aulas de dança dentro do projeto. “Estou escolhendo danças mais conhecidas, com o intuito de aumentar o engajamento, e vejo que as crianças estão gostando muito. Todos estão muito animados. Muitos ainda não tinham tido contato com a dança e vejo que estão evoluindo rápido. Além de ajudar bastante no desenvolvimento geral dos alunos, na sua sociabilidade”, destaca a professora.

Carlos Alberto Soares Jr., que também é professor de Educação Física na E.M. “Prof. Dr. Hélio Rosa Baldy”, ministra as aulas de futsal do projeto. “Escolhemos essa modalidade por ser um esporte que a maioria dos alunos já espera encontrar na aula de Educação Física, por isso havia muita expectativa. Eles têm muito interesse e muita vontade. E, quando o aluno gosta do que faz, acaba se saindo melhor ainda. São 25 alunos e temos algumas alunas que também praticam. O lúdico melhora o trabalho. Quando a criança aprende brincando, ela aprende melhor, por isso, a gente também prioriza a brincadeira, e não a competição”, ele conclui.